Dedan Kimathi

Dedan Kimathi

Dedan Kimathi foi um grande líder do Movimento Mau Mau, no Kenya. Este movimento nacionalista tinha como objetivo conquistar a independência do país, que era colônia britânica. Para os nacionalistas, Kimathi é tido como um herói; enquanto para o governo colonial, um terrorista.

No fim da décado de 1940, Kimathi tornou-se membro da União Africana do Kenya (KAU). Tornou-se secretário dessa organização que era controlada por militantes da causa de Mau Mau. O Mau Mau começou como o exército da Terra e da Liberdade. O grupo passou a ter grande influência, causando uma grande ameaça ao governo britânico. Em 1951, ao assumir o juramento do Mau Mau, as atividades de Kimathi passou a ser o grande alvo do governo colonial e, com isso, foi preso ainda no mesmo ano, mas escapando com a ajuda da polícia local. Este acontecimento deu início à sua revolta violenta, fazendo com que formasse o Conselho de Defesa do Kenya para coordenar todos os combates da floresta em 1953.

Em 1956, Kimathi foi capturado na floresta de Nyeri, assim deu-se fim à guerra florestal. O mais triste ao ler um pouco da sua história é que o júri o qual o condenou à morte era composto totalmente por pretos. E em 18 de fevereiro de 1957 ficou a data marcada pela sua execução, pendurado na prisão Kamiti Maximum Security.

Fontes:

Wikipedia

Africa is a Country

Advertisements